domingo, novembro 05, 2006

Tombo

Ainda
no chão
ensaio um sorriso

e quase consigo

ser
sincero

6 comentários:

Loba disse...

procurando
o chão
sou sincera:

morro
de saudades
dos nossos
sorrisos!

Beijoconas

claudia disse...

não sei se gostei mais do tombo ou do espelho

mas adorei as duas...

em silêncio me procuro no teu silêncio...

é isso
só isso

lindo querido
beijos no coração

Anônimo disse...

quase cai... mas fica no quase.... quase tudo de nós..

te beijo

ps. agora estou nos endereços:
http://marmotaeletrica.blogspot.com
taismorais.blogspot.com

Sir_Gallagher disse...

Ola camarada, como andas ?
Muito bom , muito bom mesmo. Adoro a descrição de cenas simples, e quando se capta algo além do banal.
Parabéns.

Sir_Gallagher disse...

Ola camarada.
Como andas.
Apreciei muito este vosso escrito. A simplicidade de uma cena descrita de forma simples, e com umtoque refinado de ironia.
Até.

Dora disse...

Vi a cena patética do "tombo", onde o sorriso é o esgar do choro oculto...rs
Bjs.
Dora