segunda-feira, junho 25, 2007

(pre)juízo final

aconteça
o que
acon-
tecer

nada mais
acon-
tece
antes

Um comentário:

Loba disse...

Sabe que estive aqui antes, li este poema e não soube o que comentar? Deu foi vontade de fazer outro... mas ando página em branco, de novo!
Beijão, poeta