quinta-feira, maio 08, 2008

Engano

ainda é
uma
pedra:

parecia
uma
pessoa.

2 comentários:

Dora disse...

Wilson. Seus poemas estão numa temática recorrente...Tristeza, desconfiança do outro, desânimo...
Os poemas são bons, como sempre.
Ma, a "anima" que os fundamenta merecia ser diferenciada.
Vamos pôr um sol nos poemas? rs
Beijos, beijos.
Dora

Anônimo disse...

caraca, uma melhor do que a outra!
Beijos

Lu (recanto das letras)